top of page
ultima gita 2.jpg

Vedānta

Vedānta é o conhecimento contido no final (anta) dos Vedas, as escrituras mais antigas que a humanidade conhece. Esses textos também são chamados de Upanişads.

Vedānta não é uma “filosofia”, como por vezes escutamos. É um pramāna, um meio de conhecimento. Assim como nossos olhos são um meio de conhecimento para formas e cores, e nossos ouvidos são um meio de conhecimento para os sons, Vedānta também é um meio de conhecimento. 

Mas o conhecimento de quê? Sobre o EU. Sobre a identidade entre o indivíduo, aquele que busca, e o todo, que é o Ilimitado, a plenitude buscada. O ensinamento de Vedānta é um desdobramento claro dessa visão essencial e única: o indivíduo e o Todo são um. O buscador e o buscado são um.

Yoga e Vedānta vêm da mesma origem, os Vedas. Enquanto Vedānta nos oferece essa visão única da realidade através do estudo, o Yoga é uma prática fundamental para qualificar nossa mente para esse estudo. 

Vedanta varias.png

Estudo da Tradição Védica

O estudo de Vedānta começa com a análise dos objetivos da vida. Essa análise envolve o entendimento do que realmente estou buscando com minhas ações e também o entendimento do fato de que nenhuma ação poderá me trazer aquilo que busco. É com essa análise, dentro de uma vida de Yoga, que uma pessoa se torna um adhikāri, uma pessoa madura, para a qual o estudo de Vedānta ganha sentido e pode dar seu maior fruto: a descoberta da felicidade como nossa verdadeira natureza.

O projeto Sábados de Vedānta é uma oportunidade de entrar em contato com textos fundamentais dessa linda e transformadora tradição, como Tattva Bodha, Sādhana Bodhinī, Bhagavad Gītā, Pañcadaśī, Sādhana Pañcakam, Bhaja Govindam, trechos de Upanişads, entre outros.

 

Informações pelo WhatsApp (21) 97008-5889

Prof. Henrique Castro.png

Sobre o Professor Henique Castro

Discípulo de Gloria Arieira, Swami Dayananda Saraswati e Swami Sadatmananda , começou o estudo de Vedānta em 2009 no Centro de Estudos Vidya-Mandir, com a professora Gloria Arieira. Em 2013 teve a oportunidade de ir para Rishikesh, Índia, por um mês, para estudar com Swami Dayananda Saraswati. Em 2015, seguindo o conselho de Swamiji, concluiu sua graduação em Filosofia e retornou à Índia para aprofundar seu estudo de Vedānta. Lá permaneceu até o final de 2017 no Arsha Vidya Gurukulam, Anaikkati, fazendo o curso residencial de longa duração em Vedānta e Sânscrito que concluiu sob a orientação do seu professor Swami Sadatmananda. Durante esses anos teve oportunidade de visitar vários templos tradicionais no sul da Índia, aprender com outros grandes professores como Swami Paramarthananda, Swami Viditatmananda, Swami Sakshatkrtananda, e estudar a gramática do sânscrito com a professora Medha Michika. De volta ao Brasil, se dedica ao ensino de Vedānta e sânscrito e à tradução de textos tradicionais para o português, integrando a equipe de professores do Vidya Mandir e do Dharma Bhūmi.

Entrevista Professora Gloria Arieira

Veja mais vídeos em nosso canal  www.youtube.com/dharmabhumi

Vídeos

Dharma Bhumi

O olho do pássaro
O olho do pássaro
04:47
Reproduzir vídeo
Aprenda a fazer escolhas melhores!
03:16
Reproduzir vídeo
How Meditation Can Reshape Our Brains  Sara Lazar at TEDxCambridge
08:34
Reproduzir vídeo
Kirtan no lindo estúdio Yogabhumi, na Barra da Tijuca.
10:46
Reproduzir vídeo
O ouro e a pressa
04:24
Reproduzir vídeo
Há quanto tempo?
04:50
Reproduzir vídeo
Ansiedade e Yoga,  uma história real
03:50
Reproduzir vídeo
A trilha dos hábitos
02:27
Reproduzir vídeo
bottom of page